Época Furacões Atlântico 2021: Tempestade Tropical ELSA (FINAL)

Época Furacões Atlântico 2021: Tempestade Tropical ELSA (FINAL)

UDATE 07/07/2021Não é problema para águas nacionais!

A Tempestade Tropical ELSA apresenta ventos máximos sustentados de cerca de 100km/h e rajadas superiores, estando já a incrementar atividade na Florida (EUA) onde está emitido aviso para ventos de Tempestade Tropical e precipitação intensa.

Segue depois para nordeste, regressando ao mar depois de percorrer grande parte da costa litoral este dos EUA como Tempestade Tropical.

A primeira imagem abaixo mostra a trajetória possível para os próximos dias e a segunda mostra a posição atual, na Florida, com forte convecção (zonas a preto e cinza) e deixando precipitação muito intensa.


UDATE 06/07/2021Não é problema para águas nacionais!

A Tempestade Tropical ELSA apresenta ventos máximos sustentados de cerca de 90km/h e rajadas superiores, estando já no Golfo do México e irá entrar em terra na noite de 3ª para 4ª feira, na zona da Florida, para onde está emitido aviso para ventos de Tempestade Tropical e precipitação intensa.

Segue depois para nordeste, regressando ao mar depois de percorrer grande parte da costa litoral este dos EUA.

A primeira imagem abaixo mostra a trajetória possível para os próximos dias e a segunda mostra a posição atual, na Florida, com forte convecção (zonas a preto e cinza) e deixando precipitação muito intensa.

Há a lamentar já 2 mortes na República Dominicana.


UDATE 05/07/2021Não é problema para águas nacionais!

A Tempestade Tropical ELSA apresenta ventos máximos sustentados de 100km/h e rajadas superiores, estando a chegar a Cuba, onde está emitido aviso para ventos de Furacão.

Segue depois para o Golfo do México e deverá fazer landfall (chegada a terra) na Florida (EUA) na noite de 3ª para 4ª feira.

A primeira imagem abaixo mostra a trajetória possível para os próximos dias e a segunda mostra a posição atual, perto de Cuba, com forte convecção (zonas a preto e cinza) e deixando precipitação muito intensa.

Há a lamentar já 2 mortes na República Dominicana.

UDATE 04/07/2021Não é problema para águas nacionais!

O Furacão ELSA enfraqueceu ontem de tarde e é agora uma Tempestade Tropical intensa com ventos máximos sustentados de 100km/h e rajadas superiores, estando exatamente entre Haiti e Jamaica e em deslocação para Cuba nas próximas horas. Nestes 3 territórios existe mesmo aviso de Tempestade Tropical.

A primeira imagem abaixo mostra a trajetória possível para os próximos dias e a segunda mostra a posição atual, entre Jamaica e Haiti, com forte convecção (zonas a preto e cinza) e deixando precipitação muito intensa.


UDATE 03/07/2021Não é, ao que tudo indica, problema para águas nacionais!

O Furacão ELSA tem ventos máximos sustentados de 120km/h e está em aproximação à costa sul da República Dominicana e Haiti, para onde já existe aviso de Furacão para as próximas horas. Desloca-se posteriormente para Cuba, devendo regressar à categoria de Tempestade Tropical depois de passar entre a Jamaica e o Haiti.

A primeira imagem abaixo mostra a trajetória possível para os próximos dias e a segunda mostra a posição atual, já muito próximo da República.

As imagens seguintes mostram a possível evolução da trajetória pelos modelos globais e dos furacões (esquerda) e a evolução em termos de intensidade prevista pelos vários modelos.

Neste momento, é menos provável uma evolução em termos de categoria do furacão, devendo manter-se como categoria 1 até atingir o Haiti e depois baixar para Tempestade Tropical, mantendo-se a perspetiva de rumar a Cuba e Florida (EUA). Eventualmente ao entrar no Golfo do México, poderá regressar à categoria Furacão.


UDATE 02/07/2021 2º UPDATE DIÁRIONão é, para já, e ao que tudo indica, problema para águas nacionais!

A ELSA é agora um Furacão categoria 1 (o primeiro da época) e tem ventos máximos sustentados de 120km/h!

Atenção Martinica e Barbados (e ilhas próximas), havendo já um aviso de Furacão para estas ilhas (chuvas e ventos intensos nas próximas horas)!

UDATE 02/07/2021Não é, para já, e ao que tudo indica, problema para águas nacionais!

A Tempestade Subtropical ELSA está em processo de intensificação, a caminho do Mar das Caraíbas. Apresenta já ventos máximos sustentados na ordem dos 95km/h e rajadas superiores e está muito próximo de Martinica e Barbados (e ilhas próximas), havendo já um aviso de Tempestade Tropical para estas ilhas (chuvas e ventos intensos nas próximas horas) e também para a Costa Sul da República Dominicana e Sul/Oeste do Haiti e mesmo vigilância na Jamaica.

As imagens seguintes mostram a possível evolução da trajetória pelos modelos globais e dos furacões (esquerda) e a evolução em termos de intensidade prevista pelos vários modelos.

É presumível uma intensificação gradual do ciclone nos próximos dias, havendo possibilidade de chegar à categoria de furacão (e mesmo alguma possibilidade de ainda vir a ser major – cat 3+).


UDATE 01/07/2021Não é, para já, e ao que tudo indica, problema para águas nacionais!

E formou-se oficialmente a Tempestade Subtropical ELSA. É a primeira da época a formar-se no trópico de caranguejo e eventualmente poderá vir a ser o primeiro furacão da época, sendo o 5º ciclone tropical de 2021.

A Tempestade formou-se a leste de Martinica e Barbados e apresenta deslocação para oeste/noroeste nos próximos dias, sendo possível que após passar essas ilhas, se desloque a sul da República Dominicana e entre Jamaica e Haiti, podendo atravessar Cuba antes de entrar no Golfo do México, na zona da Florida.

Apresenta ventos máximos sustentados de 65km/h e rajadas superiores e levou à ativação de um aviso de Tempestade Tropical para esse conjunto de ilhas para a tarde de 6ª feira (hora local).

Nas imagens seguintes podemos ver, à esquerda, através da imagem oficial da NOAA, a localização da Tempestade e a sua potencial trajetória.

À direita, temos a temperatura das nuvens.

As imagens seguintes mostram a possível evolução da trajetória pelos modelos globais e dos furacões (esquerda) e a evolução em termos de intensidade prevista pelos vários modelos.

É presumível uma intensificação gradual do ciclone nos próximos dias, havendo possibilidade de chegar à categoria de furacão.

6ª feira (02/07) será efetuado novo update ou, se se justificar, ainda durante o dia de hoje (5ª feira).

Toda a informação em http://www.facebook.com/meteomira

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *